Deus e o vendedor de suco

      – E aí, meu Rei, votaste no Lula nas últimas eleições

– Bem, meu filho, como senhor de todos, não posso ter um posicionamento político específico…

– Mas fala a verdade aí, meu Rei… Ce é de esquerda ou direita

– Filho, a bem da verdade minha posição fica um pouquinho mais em cima, no centro. Quem senta ao meu lado, na direita, é Jesus, meu filho. Da esquerda mesmo é a Maria, mãe de Jesus…

– Certo… E como vocês fazem numa casa assim, com tantas divergências político partidárias?

Continue reading

Dormingo

Da cama, a mulher sentia os primeiros raios de sol do dia fenestrarem a janela. Como é bom dormir sem hora para acordar. Tomar café da manhã sem se preocupar com os deveres do dia.

Durante algum tempo a mulher ficou na cama, a se espreguiçar, planejando passar o dia inteiro de pijama, escutando música. Sentar tranqüilamente para ler um bom livro. Em instantes, a sensação de vazio que tomara conta da mulher ao perceber o espaço desocupado na cama foi substituída por um suave prazer, sentir o cheiro gostoso de café vindo da cozinha, sentir a presença de quem se ama.

Olhando pela janela, nuvens densas e escuras deixavam passar os raios do sol com alguma dificuldade, formando uma multidão de raios que pareciam brigar entre si para ver qual teria o privilégio de tocar o solo.

Era justamente nestas horas que a mulher lembrava como era bom escrever a lápis, ter uma borrachinha que ficasse redondinha depois de muito usar. Recordava como era sentir o cheiro de terra molhada depois de uma chuva repentina no meio da tarde. Buscava na memória as brincadeiras de criança, de um tempo distante que suas pernas não conseguem mais alcançar.

Continue reading

Alucinações táteis

Uma formiga subia na parede lá fora. Subia mesmo, não era truque nem brincadeira de computador. Nunca tinha visto uma formiga de verdade, outra além daquelas do Google Images. Tinha estudado, e na escola lhe explicaram como estes insetos e outros animaizinhos conseguiam se agarrar nas estruturas e caminhar, desafiando a lei da gravidade e mesmo outras não tão graves assim.

Estava feliz, porque pela primeira vez via uma formiga que não as que via na sua cabeça e sentia na sua pele. Aquele remédio realmente estava funcionando.

Continue reading

She Wants To Be On My Side

She Wants To Be On My Side (cuja forma gramaticalmente correta seria "by my side") é a segunda música do CD The Brains da banda The Brains. Foi uma das primeiras músicas compostas pelo Fabiano e por mim, naquele fenomenal dia em que, em uma sentada, compusemos 9 músicas que depois fariam parte das mais de 40 canções originais que compusemos.

Um solo simples mas extremamente gostoso de ouvir e uma quebrada bossa nova no meio da música são as características que chamam atenção. Um verdadeiro hit musical!

Para escutar a música, clique aqui .

Continue reading

Minguante

Minguante

        Peguei daqui uma dica bem bacana de uma Revista de micronarrativas que está surgindo na internet: a Minguante .

 Minguante

    Aberta à participação, esta revista é editada pelos portugueses Fernando Gomes , Henrique Manuel Bento Fialho, Luis Ene e Margarida Delgado . Serão selecionados textos com até 200 palavras, caracterizando realmente uma narrativa curta. 

    O tema da primeira edição é O Banal, e o tema da próxima edição será Azul.

    Nesta edição de número 1, temos participação brasileira. Escrevem Avery Veríssimo, Cristiane Grando, Márcia Maia, Milton Ribeiro , Nelson Moraes e Sílvia Chueire . Vale a pena conferir.

Continue reading

Dez Dicas de Auto-ajuda

01) Você não é um completo inútil… ao menos serve de mau exemplo.
02) Se você não é parte da solução é parte do problema.
03) Errar é humano, mas achar em quem colocar a culpa é mais humano ainda.
04) O importante não é saber, mas ter o telefone de quem sabe
05) O que sabe, sabe. O que não sabe é chefe!
06) É bom deixar a bebida. Só tente se lembrar onde.
07) Existe um mundo melhor, mas é caríssimo.
08) Trabalhar nunca matou ninguém, mas… por que se arriscar?
09) Não leve a vida tão a sério, afinal vc nem sairá vivo dela..
10) Há duas palavras que abrem muitas portas: Puxe e Empurre.

Chuck Palahniuk

13 Dicas Para Escrever

Chuck Palahniuk        Chuck Palahniuk ficou conhecido pelo público geral como autor do livro Fight Club, que deu origem ao filme Clube da Luta. Entretanto, o escritor norte-americano também escreveu ótimas obras, como se pode conferir nesta análise crítica feita pelo Alessandro Garcia para o Simplicíssimo.

        Fuçando no Rancho Carne , descobri uma dica que o Galera deu por lá e decidi arrastar pra cá: As 13 Dicas Para Escrever de Chuck Palahniuk. A tradução é por conta do freguês!

"Number One: Two years ago, when I wrote the first of these essays it was about my "egg timer method" of writing. You never saw that essay, but here's the method: When you don't want to write, set an egg timer for one hour (or half hour) and sit down to write until the timer rings. If you still hate writing, you're free in an hour. But usually, by the time that alarm rings, you'll be so involved in your work, enjoying it so much, you'll keep going. Instead of an egg timer, you can put a load of clothes in the washer or dryer and use them to time your work. Alternating the thoughtful task of writing with the mindless work of laundry or dish washing will give you the breaks you need for new ideas and insights to occur. If you don't know what comes next in the story… clean your toilet. Change the bed sheets. For Christ sakes, dust the computer. A better idea will come."

Continue reading