Monthly Archives: setembro 2008

Pesquisa Remuneração
Set 30

Você está feliz com seu trabalho?

By Rafael Reinehr | Terapias de bem-estar

Entre primeiro de setembro e primeiro de outubro de 2008, realizei uma pesquisa aqui no site para tentar entender o que as pessoas que aqui chegam sentem em relação ao trabalho, bem-estar e à remuneração que se vincula com este trabalho e este bem-estar.

O resultado foi o seguinte:

Pesquisa Remuneração

A conclusão a que cheguei analisando os dados acima foi que uma grande parte das pessoas prefere não "viver somente para o trabalho", mesmo que isso represente um incremento substancial (100%) da renda. Chegando a um patamar que lhes dê conforto, segurança e estabilidade financeiras, os votantes na opção "12 mil reais" preferem utilizar seu tempo com lazer ou outras atividades que lhes preencham do que utilizar as demais horas trabalhando mais para alcançar uma maior renda.

Me surpreendi com o grande percentual (32,2%) de pessoas que ficariam satisfeitas com uma rende de 3 mil reais para fazer 100% do tempo somente aquilo do que gostam. É claro que esta pesquisa sofre um grande viés: não leva em conta a remuneração atual do indivíduo que está votando. Ou seja, para alguém que ganha 1000 reais por mês, passar a ganhar 3 mil e fazer somente o que lhe dá prazer parece uma proposta aprazível. Mas e para quem ganha 24 mil, será que conseguiria passar a receber 3 mil e ficar plenamente satisfeito?

Obrigado a todos que votaram. Me ajudaram a pensar mais sobre o assunto. Ainda preciso de tempo para decidir por que caminho seguir. Quando decidir, compartilho com vocês a decisão.

Set 30

Google ajudando o mundo – Projeto 10 elevado a 100

By Rafael Reinehr | Saúde da Sociedade

Hoje era dia de cinema mas dessa vez, o cinema vai ter que esperar.

Fiquei sabendo hoje do Projeto 10 elevado a 100, uma proposta orquestrada pelo Google que estará distribuindo 10 milhões de dólares para os 5 projetos com maior capacidade de ajudar um maior número de pessoas no mundo.

Não preciso nem dizer que vou tirar da sacolinha alguns projetos que tenho guardados e vou participar da seleção. Inicialmente serão publicadas 100 idéias das quais o público escolherá 20. Destas 20, uma comissão interna selecionará as 5 que forem julgadas mais capazes de mudar o mundo.

E não é isso que nós, com ímpeto idealista pulsando nas artérias mais queremos? Ajudar pessoas e mudar o mundo?

Aos parceiros de idéias, vamos acessar o site do Projeto 10 elevado a 100. Aos amigos, torçam que uma das idéias seja selecionada e que possamos, aqui do Brasil, fazer algo realmente bom para este nosso planeta. O que será que eu faria com 2 milhões de dólares para mudar o mundo? Fique acompanhando e saberá…

O vídeo acima é uma espécie de "teaser" do projeto.

 

Set 29

É vinho? Então é na Adegga!

By Rafael Reinehr | Vinhos & outras bebidas

A Adegga é uma Rede Social para enófilos. Um ponto de encontro para vinhateiros e amantes desta interessante bebida alcoólica/ Além de encontrar preços de uma boa quantidade de vinhos, navegar por blogs relacionados à enologia e gastronomia, você pode dar notas, adicionar vinhos à sua adega virtual e muito mais.

Apesar de estar ativa há alguns meses, a comunidade (que é em inglês) parece não ter "pegado", já que o movimento desta que é a sessão beta do site ainda é pequeno. Como o assunto me interessa, e gostaria de ter boas opiniões acerca de qual vinhos adquirir para situações especiais, torço para que logo logo a Adegga tome vulto e se fortaleça.

Quem sabe com sua visita e divulgação não conseguimos fazer isso acontecer?

Set 28

Aniversário do João Vítor, vitória do Glorioso Sport Club Internacional…

By Rafael Reinehr | Cotidianices

Teoricamente, hoje era dia para colocar aqui um daqueles ensaios densos como os que andei publicando nas últimas semanas. Pfu… Que nada. Não deu pra ler em profundidade nada para sintetizar ou analisar com a qualidade que o leitor merece.

As últimas duas semanas tenho andado muito ocupado construindo o site da Coolméia, reformulando o site da minha Clínica MedSpa e também dando suporte aos blogs do OPS! e aperfeiçoando o próprio site d’O Pensador Selvagem. Confesso que estou "quase" cansando de tanta vida virtual e quero muito deixá-la um bocadinho de lado para voltar à guitarra (música), à máquina fotográfica (fotografia), à cozinha (gastronomia), aos livros (literatura) e ao cinema, por trás das câmeras, que fique claro.

Hoje, depois de algumas horas dedicadas ao OPS! e ao site da clínica, consegui me dar tempo para simplesmente ficar de papo pro ar, primeiro indo ao aniversário de 2 aninhos do João Vítor, filho dos nossos amigos Jaqueline e André e depois fui ao Sky (um boteco daqui) assistir ao massacre impetrado pelo Sport Club Internacional (4×1) sobre o arquirival Gaymio de trás do cemitério.

Ê-le-lê… Cachorrinhos deitados na sala, esposa preparando trabalho para curso de especialização e eu planejando algumas mudanças na clínica… Domingão bom. Simples e bom, muito bom!

Agora, com licença que estou indo jantar. Uma boa semana!

Poeira Zine
Set 27

poeira Zine – o melhor da música do melhor dos tempos

By Rafael Reinehr | Musiquices

Ontem chegou as minhas mãos a coleção completa do poeira Zine, in my humble opinion o melhor zine/revista de música brazuca da atualidade, já na estrada há 5 anos.

Poeira ZineIdealizado, redigido, editado, diagramado, arte-finalizado, marketeado e distribuído majoritariamente por Bento Araújo, jornalista fanático por rock, o pZ como é chamado pelos íntimos surgiu em fevereiro de 2003, quando do lançamento de sua edição de número "zero", cobrindo entre outras matérias a vinda do Status Quo para o Brasil, uma belíssima revisão sobre as bandas de garagem dos anos sessenta e ainda um belo guia para quem deseja imergir na gigantesca discografia de Frank Zappa.

Não tem jeito não, a música sempre foi um importante motor para minha vida. Na fase atual da minha vida ando bastante distante do violão, da guitarra, do meu amplificador e pedaleira e das bandas e shows de rock que costumavam ser a tônica dos meus dias entre os quinze e os vinte e seis anos. O fato é que, ao entrar em contato com a pZ e a paixão que o Bento coloca na revista não há como não reanimar aquela chama que está tão fraca (mas nunca apagada!).

O primeiro passo será debulhar progressivamente todas as vinte edições do pZ mais sua edição especial e, à medida em que for lendo, selecionar alguma discografia para adquirir e resenhar. É claro que, no caminho, vou comentar por aqui um bocadinho da história da música tão fantasticamente compilada pelo Bento em seu fanzine.

And let there be rock!

O Pescador, o Barco e a Bicicleta
Set 25

Fotos de Quinta #041 – 25/09/2008

By Rafael Reinehr | Fotos de Quinta

Hoje é quinta-feira, dia de Fotos de Quinta – Fotografias de Quinta Categoria publicadas às Quintas-feiras e vamos fazer uma visita às praias da Bela Santa Catarina, um ‘cadinho de Floripa e também um passarito em Garopaba. Fotos simples, momentos simples, motivos simples.

O Pescador, o Barco e a Bicicleta
O Pescador, o Barco e a Bicicleta

Proibido cão na praia
Proibido cão na praia

Passarinho em Garopaba
Passarinho em Garopaba

Porçãozinha de Camarão no Boka's
Porçãozinha de Camarão no Boka’s (para dois)

Set 24

Nada existe

By Rafael Reinehr | Estudos Sobre Filosofia Oriental

Yamaoka Tesshu, quando um jovem estudante Zen, visitou um mestre após outro. Ele então foi até Dokuon de Shokoku. Desejando mostrar o quanto já sabia, ele disse, vaidoso:
"A mente, Buddha, e os seres sencientes, além de tudo, não existem. A verdadeira natureza dos fenômenos é vazia. Não há realização, nenhuma delusão, nenhum sábio, nenhuma mediocridade. Não há o Dar e tampouco nada a receber!"
Dokuon, que estava fumando pacientemente, nada disse. Subitamente ele acertou Yamaoka na cabeça com seu longo cachimbo de bambu. Isto fez o jovem ficar muito irritado, gritando xingamentos.
"Se nada existe," perguntou, calmo, Dokuon, "de onde veio toda esta sua raiva?"

Set 23

Madagascar 2 – Escape 2 Africa

By Rafael Reinehr | Vem por aí

Está chegando, dia 11 de novembro próximo, a continuação da saga de Alex, Marty, Melman, Gloria, King Julien, Maurice, os pingüins e os chimpanzés que, perdidos na África tentam voltar à sua casa, o Zoológico de Nova Iorque. Depois de um reparo com "precisão militar" feito pelos pingüins em um velho avião acidentado, a patota tenta voltar ao seu lar, não sem antes cair nas vastas planícies da África e encontrar muito mais do que exemplares de sua própria espécie no meio daquela imensidão. Neste momento, a África parece parecer muito melhor do que sua casa no Central Park. Será?

Assista ao trailer clicando em Madagascar 2.

 

Pimenta vermelha
Set 21

Molho de Pimentas Mãe da Flávia a la Rafael Reinehr

By Rafael Reinehr | Caldeirão de Sabores

Dia desses fomos comer uma deliciosa feijoada com feijão branco, frango e lingüiça na casa da Flávia, nossa amiga dentista aqui em Araranguá. A feijoada estava supimpa, mas o que me chamou mesmo a atenção foi um molho de pimenta que foi trazido à mesa.

Como gosto de comidas temperadas (e viva a cozinha tailandesa!) fiquei impressionado com a picância e o sabor do molho de pimenta que a Flávia nos ofereceu. Depois de um furioso interrogatório, ficamos sabendo que a responsável pela criação daquele estupendo molho de pimenta era a mãe da Flávia! Como a Flavinha não tinha a receita, ficou de conseguir com a mãe dela.

Alguns dias depois, já impaciente e louco para repetir a receita em casa, indaguei a Flávia em um encontro casual que tivemos:

– E aí, desembucha: qual é a receita do tal molho de pimenta?
– Pois é… Sabe que falei com a mãe e ela faz meio de olho… Tudo o que sei é que vão dois frascos de pimenta malagueta vermelha e um de pimenta verde…
– Só isso?
– Hu-hum….

Bem, lá fui eu, um cadinho decepcionado para a cozinha tentar "experimentar" e ver se descobria a "fórmula" do maravilhoso molho que agora não era mais de uma só pimenta, então passou a ser um "molho de pimentas". E não é que com um pouco de intuição e alguma destreza cheguei lá? Ah, que perfeição! Agora tenho, para meu próprio consumo, o melhor molho de pimentas que jamais experimentei!

Nos últimos dias, ele tem sido utilizado em tudo: risotos, massas, pizzas… Sempre deixando aquele gostinho ardido e delicioso, além de ser aprovado até agora por 100% das visitas! Bom, sem mais delongas e como não sou de guardar segredos, aí vai a receita do já consagrado Molho de Pimentas Mãe da Flávia a la Rafael Reinehr:

Pimenta vermelha
2 frascos de 80g de pimenta malagueta vermelha

Pimenta verde
1 frasco de 80g de pimenta malagueta verde

Pimentões
3 dedos de 1 pimentão amarelo e de um pimentão verde

Pimentas e Pimentões
Um punhado de pimenta de bico
Sal a gosto
Pimenta do reino moída na hora a gosto
Bata tudo no liqüidificador e…

Voilá!
Molho de Pimentas Mãe da Flávia a la Rafael Reinehr
Está pronto o soberbo Molho de Pimentas Mãe da Flávia a la Rafael Reinehr

A aparência ao vivo é muito melhor do que a da foto acima! A cor é maravilhosa e a ardência já começa nos olhos se você tentar encarar esta bomba de frente por muito tempo. Replique a receita em casa e depois me diga se não é um dos melhores molhos de pimenta que você já experimentou.

Um abraço e bom proveito!