Sobre o Dia do Basta e outras movimentações em marcha…

By Rafael Reinehr | Cibercultura

Fev 12
Captura_de_Tela_2012-02-12_as_15.16.18

Conversa hoje mais cedo, com uma pessoa (cuja identidade resguardo):

Pessoa
  • oi, é voce que esta junto na coordenação com o werther ?

     

    Eu

    olá Xxxx, a princípio sim – ajudamos a facilitar algumas iniciativas, mas estás falando exatamente de qual? (são muitas)

     

    Pessoa

    protesto dia do basta
    olá, sou da coordenação naciona

     

    Eu

    ah, ok – não, somente o Werther – não vou conseguir me envolver na organização da atividade local diretamente – mas vou dar suporte

     

    Pessoa

    ha, ok

    entao voce é só membro normal…

    dando supote é isso…
    Eu

não sou membro de nada

 

nem apóio incondicionalmente a marcha
na verdade, acho que marchas são apenas eventos com poder muito gfraco de mudança

e Não a minha estratégia de luta

 

Pessoa
ha ta

 

 

Eu

meu caminho é outro mais duradouro

conectando redes
mas apóio, por caminharem huma direção “boa” estes movimentos
só os considero ingênuos e pouco efetivos

 

Pessoa
obrigado pelo feedback

Captura_de_Tela_2012-02-12_as_15.16.18

Agora vos pergunto: será que fui grosso? Indelicado? Agressivo? Me faltou tato? Ou falar a verdade nem sempre é o melhor caminho? Ou querer dialogar e entender mais profundamente as coisas é um problema? Ou eu não estou entendendo patavinas?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

banner do Medictando - O Bem-estar ao seu alcance

Banner da Zen Nature produtos orgânicos, sustentáveis e oriundos do comércio justo

Gostou deste post? Se ele lhe ajudou, que tal doar 1 real para que continuemos produzindo conteúdo assim?
Doação Única de Qualquer Valor via PagSeguro: https://pag.ae/blhvRmR
Regras para comentários: Tudo OK criticar, mas se você trolar, seu conteúdo será deletado. Divirta-se e obrigado por somar à conversação.

(1) comment

Add Your Reply