Obvious, Rafael Reinehr e exemplos que devem ou não ser seguidos

By Rafael Reinehr | Redes Sociais

Set 02

Recentemente, criei um post dando "dicas" para revitalizar o Blogverso. Naquele momento, ninguém criticou uma possível contradição que exisita nas dicas: uma delas, dizia para não linkar para grandes blogs e outra dizia para divulgar grandes idéias. Pois bem: e se um grande blog tem uma grande idéia, o que fazer?

Você decide, ora bolas! Nesta semana, preferi privilegiar a idéia e citei o Obvious, o blog luso-brasileiro de maior visitação em alguns rankings rolando por aí, com cerca de 13 mil acessos diários.

Perguntam-me: mas tu citaste o Obvious porque seu conteúdo é genial? Não, o conteúdo do Obvious é muito interessante, absurdamente eclético (bem como gosto) e escrito com cuidado, sempre com boas imagens ilustrativas.

O que me fez citar o Obvious hoje, entretanto, foi uma idéia que o Benjamin, proprietário do site, por assim dizer, teve.

Ele se deu conta que uma ótima forma de gerar acessos e visitas para seu site era favoritando toda e qualquer pessoa no ranking brasileiro BlogBlogs. Não sei se ele faz o mesmo em outras redes sociais, mas vou usar o nosso exemplo e, a partir daqui, contar minha experiência.

Há cerca de um mês, percebi a quase onipresença daquele "olho" (o avatar o Obvious) nos blogs que visitava pelo BlogBlogs. Fui ver quem se tratava. Quando olhei o número de favoritos que o mesmo apresentava, deparei-me com um número assombroso: 4472 (!).

Na mesma hora, um estalo: mas é claro! Ele está favoritando todo mundo. Quando se favorita alguém no BlogBlogs (e principalmente quando se é um dos primeiros a fazê-lo), seu avatar fica permanentemente na página inicial daquele blogueiro, funcionando como se fosse um banner e uma poderosa lembrança da sua presença. Aquele "banner" volta e meia chama a atenção do usuário do blog favoritado e de outros visitantes, gerando assim tráfego para Benjamin.

Fantástico! Isso é marketing de guerrilha! Acontecendo de forma subliminar, sem que boa parte das pessoas perceba. Certamente, para algumas pessoas, essa estratégia pode soar estranha ou pouco ética – na verdade, nunca perguntei ao Manoel Lemos, idealizador do BlogBlogs o que o mesmo pensa, mas o fato é que, em lugar algum esta possibilidade fica proibida tampouco é desestimulada.

Em um segundo momento, resolvi fazer uma experiência, favoritando algumas centenas de pessoas no mesmo dia. O resultado? Blogueiros que nem sabiam da minha existência estavam pipocando no meu site (e eu acompanhando pelo widget do BlogBlogs). Travei contato com alguns e segui minha vida. Na outra semana, num domingo de folga, incluí mais uma centena de favoritos (dá um trabalho do cão): mais alguns novos visitantes e ótimas experiências. Resumindo: hoje estou com mais de 4 mil favoritados no BlogBlogs (olha que te alcanço, viu Benjamin?) e, em parte graças a essa estratégia, conheci pessoas muito bacanas como os amigos Marcus Oliveira, Leo Pena, Marcus Corrêa, Pablo Pamplona, Guilherme Gurgel, Tânia Carvalho, Daniel Gonçalves Maia, Claudinei, Nanda e Lipe, Lila Liss, Aparecido José do Rosário, Zelão, Futuros Mercadores de Ilusão, e tantos outros. Quero muito agradecer também os links que tenho recebido nestes últimos dias de várias pessoas que não sei como chegaram ao meu site, entre elas Félix Soria, Radu Gonciar, João Luís Machado, Rose Arrais, Drika, Dedalus, Ícaro Estrela, Robson Faggiani, Veridiana Serpa, Luma,Valter Ferraz, e, perdão se esqueci alguém. Se não os linquei é porque nem o Technorati nem o BlogBlogs indexou seu link.

Desta experiência depreendo o seguinte: as redes sociais foram feitas para que nos conheçamos uns aos outros, correto? E qual melhor maneira de fazermos isso? Visitando-nos uns aos outros. Se não dermos uma indicação que nossa casa está aberta às visitas, elas dificilmente chegarão.

Mais ainda tenho a agradecer quem de alguma forma está ajudando a divulgar a Sétima Proposta para um Brasil Melhor – o Voto Contínuo. Se você ainda não pegou um banner, o que está esperando? Leia com o coração e com o espírito aberto a proposta. Se têm críticas ou perguntas a fazer, faça. Faça o que fizer, ajude a divulgar o Fórum para que possamos ampliar o debate desta proposta e chegar a uma conclusão, mesmo que esta seja a de que não estamos prontos para ela.

banner do Medictando - O Bem-estar ao seu alcance

Banner da Zen Nature produtos orgânicos, sustentáveis e oriundos do comércio justo

(17) comments

Add Your Reply