Ralureh e os insondáveis mistérios das ferramentas de busca

By Rafael Reinehr | Só observando...

Jun 08

    Até ontem, a palavra Ralureh não existia para o Google. Hoje, já existem 2 links (às 9:09 da manhã). E, o que é muito interessante (mas não surpreendente) é que este blog, que publicou a palavra em primeiro lugar, não está entre eles! Um dos blogs que aparecem é o Bender Blog e o outro o Engadget. Ambos não publicaram nenhuma resenha sobre o método. O que apareceu no Google foi um comentário deixado por mim para divulgar a experiência de hoje à noite.

    Se você não está entendendo bulhufas do que estou falando, leia aqui primeiro. 

    Deixando de lado o caráter publicitário da experiência, que em um dia fez meu ranking no Technorati subir de 18 para 25 e o do BlogBlogs cair de 3800 para 1069 (Ainda não instalei o Alexa , segundo os especialistas o melhor índice para avaliar o posicionamento do seu blog), é interessante avaliar as reações das pessoas frente ao Método Ralureh.

    Boa parte das pessoas não consegue perceber benefícios imediatos da utilização do mesmo. Entretanto, um deles é explícito: é um Método de "código aberto"! Pode ser utilizado por qualquer grupo de pessoas ou comunidades para avaliar a colocação de, por exemplo, páginas distintas de um determinado webdesigner ou dos membros de um grupo. O "texto original padrão" pode ser hospedado em qualquer site, não somente aqui! 

    O fato é que ontem foi meu dia com mais acessos desde que voltei há blogar com mais freqüência, há cerca de 5 semanas. Tal fato, somado a um que considero o principal – estar conhecendo novas pessoas durante este processo, incluindo os já amigos Jobson Lemos e Wagner Fontoura , já me faz encarar esta empreitada um pequeno sucesso. Um grande sucesso seria, conforme conversa que tive ontem com a Giorgia , parar de querer mais. Mas isso é conversa para outro post.

    Quem estiver conectado na WWW, participe copiando o texto padrão que será postado aqui exatamente às 22 horas de hoje. O texto não precisará necessariamente ser publicado na frontpage. O importante é que esteja em "algum lugar" do blog.  Nos vemos lá.

    Enquanto isso, aproveite para conhecer o Mahalo , a primeira ferramenta de busca "human-powered" como afirma seu criador, Jason Calacanis . Mas abra o olho: se você tiver muitos anúncios em seu site, corre o risco de ser cortado da nova ferramenta de busca!

 

Banner da Zen Nature produtos orgânicos, sustentáveis e oriundos do comércio justo

banner do Medictando - O Bem-estar ao seu alcance

Gostou deste post? Se ele lhe ajudou, que tal doar 1 real para que continuemos produzindo conteúdo assim?
Doação Única de Qualquer Valor via PagSeguro: https://pag.ae/blhvRmR
Regras para comentários: Tudo OK criticar, mas se você trolar, seu conteúdo será deletado. Divirta-se e obrigado por somar à conversação.