Quase nada

By Rafael Reinehr | Nonsense

Jun 05

O mês de julho sempre foi pra mim o "mês das revoluções". Talvez porque é neste mês, exatamente em seu primeiro dia, que simbolicamente envelheço um ano.

Há muitos anos, o dia primeiro de julho para mim significa uma oportunidade para reflexão, para reajuste de direções, planejamento e organização do que virá. Mais, muito mais ainda do que o primeiro de janeiro. É o meu primeiro de janeiro particular.

Algumas coisas na minha vida estão a me angustiar, como a carga de trabalho, o desejo de voltar às atividades artísticas de outrora, o cuidado para com minha saúde e a atenção necessária para com minha família e amigos.

Materialmente falando, falta pouco. Alguns ajustes aqui e ali para deixar nossa casa como queremos, talvez mais um carro daqui a alguns anos (eu e Carol temos somente um e por vezes nos apertamos em função disso – mas o momento é de economizar…) e, é claro, preparar uma boa poupança para a chegada do(s) filho(s) no ano que vem ou no outro.

Tenho deixado este espaço, meu arcabouço, meu "armazém de idéias ideais" bastante de lado, devido à dedicação ao trabalho principalmente, mas também ao site O Pensador Selvagem, em relação ao qual nutro um carinho e respeito imensos. O Simplicíssimo, do qual sou co-editor, anda muito bem graças ao trabalho do inestimável e valoroso Eduardo Sabbi, amigão para todas as horas.

Pretendo reformular um pouco o layout do site, deixando-o mais "clean". Veremos. A partir de julho, quero estar por aqui diariamente denovo. See ya. 

banner do Medictando - O Bem-estar ao seu alcance

Banner da Zen Nature produtos orgânicos, sustentáveis e oriundos do comércio justo

(1) comment

Add Your Reply