Alucinações táteis

By Rafael Reinehr | Minicontos

ago 26

Uma formiga subia na parede lá fora. Subia mesmo, não era truque nem brincadeira de computador. Nunca tinha visto uma formiga de verdade, outra além daquelas do Google Images. Tinha estudado, e na escola lhe explicaram como estes insetos e outros animaizinhos conseguiam se agarrar nas estruturas e caminhar, desafiando a lei da gravidade e mesmo outras não tão graves assim.

Estava feliz, porque pela primeira vez via uma formiga que não as que via na sua cabeça e sentia na sua pele. Aquele remédio realmente estava funcionando.

Uma formiga subia na parede lá fora. Subia mesmo, não era truque nem brincadeira de computador. Nunca tinha visto uma formiga de verdade, outra além daquelas do Google Images. Tinha estudado, e na escola lhe explicaram como estes insetos e outros animaizinhos conseguiam se agarrar nas estruturas e caminhar, desafiando a lei da gravidade e mesmo outras não tão graves assim.

Estava feliz, porque pela primeira vez via uma formiga que não as que via na sua cabeça e sentia na sua pele. Aquele remédio realmente estava funcionando.

(1) comment

Add Your Reply