Precoce

Posted By Rafael Reinehr on jul 4, 2007 | 8 comments


Minha infância durou pouco. Aos oito anos, apanhava do meu pai. Cedo, comecei a beber e sair com qualquer puta que se oferecesse. Passei a usar drogas cada vez mais fortes. Estive internado para desintoxicação por três vezes. Roubava para sustentar meu vício. Quando fiz nove anos, tudo mudou…

Compre-me um caféCompre-me um café
Gostou deste post? Se ele lhe ajudou, que tal doar 1 real para que continuemos produzindo conteúdo assim?
Doação Única de Qualquer Valor via PagSeguro: https://pag.ae/blhvRmR
Regras para comentários: Tudo OK criticar, mas se você trolar, seu conteúdo será deletado. Divirta-se e obrigado por somar à conversação.

8 Comments

  1. 8) Adorei o espaço para MINICONTOS no teu blog e esse PRECOCE é duca!!! 😮 Bjks

    Post a Reply
  2. Gravo no audacity, programa gratuito e excelente; uso um comando html embed para colocar o player online (veja o código da página. Agora vc tb pode usar o Radio Blog, com eu faço tb. Me escreva por e-mail que eu darei mais expicações. Estou usando o coment porque seu blog não funciona bem n Opera. abração

    Post a Reply
  3. Espancadores de teclados
    Valter, fiquei curioso para saber em quem pensaste!
    Sandra: caraca mesmo!
    AF: ninguém precisa abandonar totalmente a infância.
    Mary: não se esqueça que é um miniconto!
    Antônio: já respondi no seu blog. À disposição.

    Post a Reply
  4. Obrigado, Rafael, pela visita ao Café Impresso. Ainda não tive tempo de navaegar mais atentamente pelo seu blog, mas fiquei impressionado com o visual, a organização, os recursos. Outra hora quero até conversar a respeito. Estou planejando mais uma reforma no Café e vc, pelo visto, tb é um interessado no assunto. Abração!

    Post a Reply
  5. Meus Deus…
    Deu tempo de fazer isso tudo … e depois tudo mudar. legal!!!!

    Post a Reply
  6. infância
    e a infância? talvez também se possa voltar a ela.

    Post a Reply

Deixe um comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: