Escobar Nogueira – Curta-Metragem

By Rafael Reinehr | Nanoresenhas Canalhas

Jun 10
Curta-Metragem

        Curta-Metragem

         Escobar Nogueira é poeta e professor. Professor-poeta. Suas literatices já vem de longa data, desde os tempos lá de Fortaleza dos Valos, desde os tempos que a criança que agora volta para escrever este Curta-Metragem brincava com espada de pau nos pátios da Ditadura.

         Curta-Metragem é poesia mas também é música. É Caetano Veloso e também é Engenheiros do Hawaii, pois ninguém está a salvo de um disparo, um estouro.

         Curta-metragem é curto mas não é direto: afinal, é a biografia de uma criança escrita por alguém que cresceu assim:

 

         “Há muito tempo, num lugar muito distante, vivia um menino que não sabia como dizer que gostava muito, muito, de seu pai. Então, ele saltitou como um macaquinho, escarvou como um cavalinho e como seu pai olhava para longe dali, o menino, sem que seu pai visse, cresceu e tornou-se poeta.”

 

         O menino José Eduardo já não é mais menino, a careca não deixa esconder os anos passados mas a idade do espírito não se mede em anos mas em atos. E se depender disso, professor-poeta, és um feliz possuidor de um vidro de compota cheio de bolas de gude.

Banner da Zen Nature produtos orgânicos, sustentáveis e oriundos do comércio justo

banner do Medictando - O Bem-estar ao seu alcance

Gostou deste post? Se ele lhe ajudou, que tal doar 1 real para que continuemos produzindo conteúdo assim?
Doação Única de Qualquer Valor via PagSeguro: https://pag.ae/blhvRmR
Regras para comentários: Tudo OK criticar, mas se você trolar, seu conteúdo será deletado. Divirta-se e obrigado por somar à conversação.

(2) comments

Add Your Reply