Você não é o que você compra

Posted By Rafael Reinehr on out 13, 2008 | 9 comments


No próximo dia 29 de Novembro teremos mais um Dia Mundial sem Compras. Uma iniciativa da Organização Ativista Adbusters, a campanha propõe uma moratória de 24 horas nas compras em todo o mundo. Mas não vale comprar nada. Nem chiclete ou passagem de ônibus. Com o slogan “Participe deixando de participar”, a campanha busca promover uma reflexão acerca dos valores da sociedade moderna, voltada de forma crescente para a aquisição de bens materiais em detrimento do aperfeiçoamento das relações humanas.

Por aqui, fiz minha parte e criei os dois banners abaixo para divulgar a campanha. Sinta-se livre para utilizá-los. Não precisa citar a fonte.

Você não é o que você compra
Banner de 450 pixels de largura

Você não é o que você compra
Banner de 180 pixels de largura

Compre-me um caféCompre-me um café
Gostou deste post? Se ele lhe ajudou, que tal doar 1 real para que continuemos produzindo conteúdo assim?
Doação Única de Qualquer Valor via PagSeguro: https://pag.ae/blhvRmR
Regras para comentários: Tudo OK criticar, mas se você trolar, seu conteúdo será deletado. Divirta-se e obrigado por somar à conversação.

9 Comments

  1. Obrigada pelos banners… encontrar em português é super dificil!
    Abraço

    Post a Reply
  2. Ser e ter
    Rafael, estou achando seus posts sobre saúde da sociedade o máximo. Parabéns!

    Neste tema, considero que a nossa geração foi toda afetada pelas ações de marketing que criaram a sociedade de consumo. E como eles levaram anos para construir isto, agora temos muito trabalho para desfazer.
    Considero crime uma propaganda de algo insustentável, pois você está incitando alguém a destruir mais a natureza e explorar a classe dominada.

    Nos meus sonhos vivemos num mundo natural, cheio de trocas produtivas, na qual os objetos em si não tem valor se não o de agradar e ajudar alguém.
    No caminho objetivo, é a prática do desapego que está em questão. Eu venho trabalhando isso ficando feliz quando não compro, reaproveito ou me desfaço. Tudo pela busca da elevação do espirito tirando os bens finitos da frente.

    Abraços

    Post a Reply
  3. comprar
    voces que compram compulsivamente precisa de um tratamento isso e uma doenca

    Post a Reply
  4. comprar dá prazer
    Comprar realmente dá prazer, satisfaz certas necessidades que temos e até supre a falta de algo.
    Nós mulheres sabemos que por mais que o nosso guarda-roupa seja cheio de peças, sempre nos “falta” uma ou outra. Ter uma festa??? é motivo de uma semana de procura pela roupa desejada. É complicado se desfazer deste defeito que é a mania de comprar. o salário vai todo e ao fim do mês o que temos são mais contas ainda.
    Mas convenhamos…comprar é bom!!
    E ter o prazer de escolher, experimentar, levar para a casa e depois usufruir melhor ainda…
    mas vamos ver se consigo nao comprar nada neste próximo dia 29.
    mas tem certeza, nem uma coca-cola, trident ou cigarro??? hauhauahua
    bjuss

    Post a Reply
    • Logrando a proposta
      Monique, não sei se assim estaremos logrando a proposta do Dia, mas o que você pode fazer é comprar o chiclete e o refri”gelante” no dia anterior e levar consigo. O chiclete na bolsa e o néctar deixe no seu trabalho… Quanto ao cigarro, esse seria bom evitar o dia inteiro…

      Post a Reply
  5. Dependência
    Oi Solange. Comprar coisas que nos fazem bem não deve nos deixar angustiados. O grande problema começa quando fazemos compras sem necessidade apenas para mantermos um “status” equivalente aqueles aos quais queremos nos parecer. E a questão – que para muitos é solução – é justamente essa: enquanto a mídia, o Estado, a Igreja e a propaganda querem que sejamos todos “iguais”, a capacidade de realmente ter uma “escolha de não comprar” ou de “ir ao sapateiro” é que nos faz, de fato, seres singulares. Obrigado pelo comentário.

    Post a Reply
  6. Eu detesto compras!!!
    Mesmo trabalhando na área de vendas, eu de-tes-to ter que fazer compras, seja la o que for, roupa,entao meu Deus!! Uso minhas calcas compridas até furarem e os sapatos sao levados ao sapateiro, quando nao tem mais jeito. Se dependesse de mim o mundo ia a falencia Mas essa idéia aí de um dia de “nao consumir” é muito interessante. Nos faz refletir o quanto de badulaque que se compra sem necessidade.A “acao” acima esta aprovada.Um abraco

    Solange

    Post a Reply
  7. Rafael, não tenho problema nenhum em não comprar. Parei faz tempo!
    Abraço forte

    Post a Reply
  8. Passando para agradecer a visita e ao comentário.

    Para mim não será difícil passar um dia sem comprar. O que não aguentaria mesmo seria jejuar.

    Abrs.

    Post a Reply

Deixe um comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: